top of page

Sarna Demodécica – “Sarna Negra”


Portal Meus Filhotes

Foto: Portal Meus Filhotes


Diferente da sarna comum (sarna sarcóptica), a sarna negra não é transmitida de cão para cão pelo contato, nem para homem. O animal pode contrair a doença através do leite materno, se a fêmea estiver contaminada.

A sarna Demodécica também é conhecida por outros nomes: sarna folicular, sarna vermelha e, nos casos mais graves, lepra canina. O ácaro Demodex é o responsável por essa doença, porém ele faz parte da fauna da pele normal dos animais. O que ocorre é que geralmente o parasita habita o corpo do animal sem prejudicar sua saúde, mas caso a imunidade do cão esteja baixa, ele pode começar a agredir o organismo, reproduzindo-se e espalhando-se rapidamente.

Quando a doença apresenta-se de forma localizada, o principal sintoma é a queda de pêlo em pequenas áreas do corpo do animal, que tornam-se vermelhas e escamosas. A região da face, focinho e extremidade dos membros principalmente nas patas são os focos mais atingidos. O tratamento é fácil, podendo, muitas vezes, ser feito com shampoo especial e/ou pomada.

Já quando a sarna negra manifesta-se de forma generalizada, o caso tona-se mais grave, e o tratamento mais difícil, sendo necessário o uso de antibióticos. Quase sempre os animais que a apresentam são jovens e tem predisposição hereditária. Os sintomas são mais intensos, havendo uma severa inflamação no corpo, atingindo principalmente a cabeça, peito e contorno dos olhos. Devido a extrema coceira a pele fica muito sensível e irritada, tornando-se uma passagem de entrada para bactérias e fungos diversos, havendo muita formação de pus.

O cão começa a perder o apetite, exala um cheiro horrível, fica com aparência muito ruim, passando a impressão de velho e deformado. Se o tratamento não for rápido pode levar a morte.

A Sarna Demodécica é diagnosticada através de sinais clínicos (lesões na pele, coceira, entre outros) e exame laboratoral (raspado de pele), capaz de detectar a presença do parasita no organismo. Tratando-se de uma terrível doença, é indespensável o auxílio profissional de um médico veterinário.


Portal Meus Filhotes - clique na imagem e visite o site

Fonte: Portal Meus Filhotes – clique na imagem e visite o site


Ajude a manter nosso blog, faça uma doação!


btn_donateCC_LG
120x53-doar

Comments

Rated 0 out of 5 stars.
No ratings yet

Add a rating
bottom of page