top of page

Expectativa de vida dos Bulldogs

No post anterior fizemos uma “pesquisa”de Quanto tempo vive um bulldog, e no post de hoje a Dr. Viviane escreve um pouquinho sobre o assunto. Confira:

Na rotina da clínica é muito comum sermos perguntados sobre o tempo de vida médio do bulldog. Sabemos que inúmeras são as fontes com as mais variadas informações, alguns alegam ser 8 anos enquanto outros defendem 12-13 anos. Pela experiência verificamos que ao longo dos anos os bulldogs estão vivendo mais tempo e com mais qualidade.

Há alguns anos não disponibilizávamos de tantos exames diagnósticos quanto hoje, assim como as medicações e os tratamentos evoluíram bastante. O conhecimento da raça também vem crescendo muito, o que auxilia na identificação de patologias e escolha de tratamentos adequados. A maioria dos bulls atualmente passa por exames periódicos, já fez ao longo da vida check-up cardíaco e tem o olhar atendo dos donos para qualquer alteração. Na clínica verificamos inúmeros animais acima dos 10 anos de idade, inclusive recentemente nossas três pacientes mais velhinhas (duas bulls com 12 anos e uma com 13 anos) passaram por procedimentos cirúrgicos e se saíram muito bem tanto na cirurgia quanto na recuperação. Pela prática podemos referir que a expectativa média dos bulls atualmente está por volta dos 10-11 anos. Esse número varia de acordo com o clima da região que o animal vive, com os tipos de cuidados que recebe, com a exposição e manifestação de doenças e com inúmeros fatores próprios de cada bulldog.

Sabemos que o bulldog é um cão todo especial, então devemos ter alguns cuidados para garantir uma vida longa. Abaixo listo algumas dicas pra prolongar a vida do bull e deixá-lo sempre saudável:

1. Controle de peso: o bulldog é um cão naturalmente gordinho pela estrutura óssea, tamanho e quantia de rugas. No entanto, devemos atentar bastante ao excesso de peso. Este pode trazer problemas cardíacos, respiratórios e esqueléticos, assim reduzindo a expectativa de vida do cão;

2. Alimentação de qualidade: oferecer rações de alta qualidade como as super premium, e evitar comida caseira ou alimentos que contenham sal, temperos ou gorduras;

3. Check-up periódico: combinar com o veterinário revisões periódicas da saúde do Bull, isso inclui exames de sangue, cardíacos, entre outros. Indicamos que tais revisões iniciem no máximo após 1 ano de idade;

4. Cuidados com o calor: o bulldog é muito sensível ao calor e umidade, assim sempre proporcionar ambientes agradáveis com água e gelo disponíveis. Se for passear com o cão, escolher os horários mais frescos do dia;

5. Vacinação em dia.

Abaixo fotos da bulldoguinha Anne (do Roger e da Jú), ela vai comemorar 13 anos de vida em 2011.



Abaixo Anne com seus pais Roger e Jú e o irmão bull Tysinho (que tem 1 ano).



Dra. Viviane Dubal – CRMV/RS 8844

Formada pela Universidade Federal do Rio Grande do Sul (UFRGS) e proprietária da Clinica Veterinária Saúde Animal em Porto Alegre.

Contato: vivianesd@bol.com.br

Comments

Rated 0 out of 5 stars.
No ratings yet

Add a rating
bottom of page